Notícias

Acompanhe as notícias recentes do ramo.

Como o recuo do PIB brasileiro pode afetar a economia da minha empresa? Como me preparar para o pior cenário?

O Produto Interno Bruto (PIB) é uma forma de medir a atividade econômica de um país, sendo que, no Brasil, esta medição ocorre trimestralmente, levando em conta a produção de bens no Brasil por meio da indústria, agronegócios e serviços.

Por meio da comparação dos resultados de trimestres anteriores e anos anteriores, é possível concluir quando houve uma alta ou uma queda no PIB.

Normalmente em cenários como o de crise econômica, ainda mais em países emergentes, a consequência é a queda do PIB, o que decorre do impacto sofrido pela indústria e serviços com a diminuição da demanda de produtos e queda no capital de giro.

Os efeitos sentidos pela maioria das empresas são os cortes de vagas e, consequentemente, a perda de profissionais qualificados ou a dificuldade de encontrá-los, bem como a procura menor pelos produtos e serviços por partes dos consumidores, fazendo com que muitas empresas se sujeitem a baratear os produtos aos consumidores.

Desta forma, as empresas devem se preparar para o pior cenário por meio de um plano de ação montado especificamente para essa situação, o qual deverá conter os cortes necessários para a sobrevivência da empresa e as formas utilizadas para contenção de gastos, inclusive as renegociações com fornecedores e demais contratos com condições melhores e prazos estendidos para pagamento.

Na pior das hipóteses, se o plano de negócio não vingar, as empresas podem contar com o processo de recuperação judicial, o qual tem como objetivo a reorganização da empresa, com auxílio de um administrador judicial, de modo a preservar as atividades.

Nós, do escritório Rocha Advogados Associados, seguiremos compartilhando informações importantes durante este período, alertando sobre possíveis mudanças, leis e impactos na economia relacionados ao COVID-19. 👊

Ficou com dúvidas? Converse com a nossa equipe sem compromisso através do Whatsapp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *